O aparecimento deste letal vírus denominado coronavírus deve-se à conjunção Júpiter, Saturno e Plutão e Marte em Capricórnio em janeiro de 2020.

O porquê de ser em Milão um grande foco, porque é a região mais prospera do mundo e tem relações intensas com a China através de núcleos empresariais.

Itália tem a população mais envelhecida do mundo com propensão a ser mais visada sobretudo se tiver doenças do foro oncológico, diabetas, doenças respiratórias que reprimem o sistema imunitário.

Mercúrio rege tudo o que é duplo no nosso corpo, assim rege os pulmões e vias respiratórias a sua ligação com Neptuno no signo do sofrimento (peixes). Estas disseminações feitas em viagens prendem-se com a conjunção de Júpiter/ Marte em Capricórnio daí a rapidez da sua proliferação.

Esta conjunção Saturno Plutão, já se repercutiu noutros acontecimentos trágicos que atingiram a humanidade.:

  • O aparecimento da sida (Marte, Saturno e Plutão)
  • Guerra das maldivas (Conjunção Marte, Saturno e Plutão)
  • Pandemia da gripe Espanhola (Conjunção Saturno Neptuno)

Estas configurações astrais afetaram toda a humanidade, com sucessiva queda de poder político, económico, que atualmente está a acontecer a nível mundial.

Esta propagação do covid-19 afeta a economia de forma drástica em termos macroeconómicos e microeconómicos. Queda nas bolsas de valores, fortes descidas do petróleo, queda nos investimentos internos e externos.

Em Portugal faz-se sentir os efeitos deste fenómeno através do medo e pânico global, incluído o medo da escassez. Todo este cenário conduz a um retrocesso das expetativas da humanidade.

Plutão e Saturno em Capricórnio produz queda de poder, vimos assistindo a esse fato desde 2008.

Contudo entre o final de março e princípio de abril 2020, Marte junta-se a Plutão provocando um aumento desta tão grave pandemia a velocidade de propagação irá ser grande devido à conjunção de Júpiter /Marte provocando a queda do poder nos mais variados níveis.

Em conclusão:

O ser humano não controla a vida, as pessoas que pensam que têm poder é a mais pura ilusão.

Partilhar: